Transactions:
TSN Info
Search:
Information contained within the links below is distributed by companies featured through PR Newswire.  Neither The Sports Network nor PR Newswire is responsible for the content.
 

O ambientalista brasileiro, Guilherme Dutra, é o cientista agraciado pela edição 2012 do renomado prêmio Pew para a Conservação Marinha

 
 

Projeto premiado visa a expansão da rede de áreas marinhas protegidas em Abrolhos

WASHINGTON, 28 de fevereiro de 2012 /PRNewswire/ -- Guilherme Dutra, diretor do programa marinho da Conservação Internacional (CI) no Brasil foi contemplado pelo programa de bolsas de pesquisa Pew Fellowship 2012 para Conservação Marinha (2012 Pew Fellowship in Marine Conservation). O projeto proposto pelo biólogo marinho apoiará a expansão da rede de áreas marinhas protegidas em Abrolhos, o que poderá criar a maior rede de áreas protegidas do Atlântico Sul. 

"O Brasil é reconhecido como um dos países mais significativos do mundo em termos biológicos, mas pouco tem sido feito pela proteção de seus ambientes marinhos", afirma Dutra. "O Pew Fellowship 2012 nos ajudará a melhorar a conservação marinha nessa área do planeta tão singular e biodiversa. Com mais informações e melhor gestão, estou certo de que poderemos alcançar objetivos importantes para a conservação marinha no Brasil, preservando áreas importantes para a biodiversidade e melhorando o uso sustentável dos recursos pesqueiros na região de Abrolhos".

O Programa Pew Fellows para Conservação Marinha é uma iniciativa de prestígio que oferece aos beneficiários US$ 150.000 para pesquisas científicas ou projeto de conservação, com duração de três anos, designados a abordar importantes desafios enfrentados pelos oceanos. Dutra usará o processo de expansão da área protegida em Abrolhos como um modelo para ampliar o planejamento espacial marinho no Brasil.

Atualmente, menos de 2% dos ecossistemas marinhos do país estão protegidos. Entretanto, como signatário da Convenção sobre Diversidade Biológica, um tratado global que aborda a conservação da biodiversidade, o Brasil concordou em proteger no mínimo 10% de sua área marinha até 2020. A premiação recebida por Guilherme Dutra apoiará a ampliação para cerca de 9.500.000 hectares do conjunto de áreas marinhas protegidas na região dos Abrolhos e a criação de uma rede de áreas marinhas protegidas (AMPs) de 85.000 km2 em Abrolhos, o que permitirá o uso sustentável dos recursos naturais. O projeto pretende apoiar o Brasil no alcance de seu objetivo em relação à proteção marinha e gerar conhecimento científico de qualidade para subsidiar processos futuros de tomada de decisões sobre a criação e a gestão das AMPs na região.

"Novas áreas protegidas em Abrolhos serão um grande impulso à conservação da biodiversidade no Atlântico ocidental", explica Joshua S. Reichert, diretor administrativo do Pew Environment Group. "O projeto de Dutra é um passo importante para uma melhor gestão marinha no Brasil, incluindo a concretização dos objetivos nacionais de conservação do oceano".

Dutra ingressou na CI-Brasil como biólogo em 1996, após se formar pela Universidade Federal de Minas Gerais. Em 2000, concluiu o mestrado em ecologia pela Universidade Estadual de Campinas, enquanto coordenava o Projeto Abrolhos da Conservação Internacional. Desde que começou a trabalhar em Abrolhos, Guilherme Dutra coordena iniciativas para aumentar o conhecimento e o reconhecimento da importância dos recifes de corais, além de desenvolver soluções de gestão que possam ser replicadas e influenciar a conservação marinha no país. Até hoje, ele gerenciou mais de 25 projetos nessa linha, trabalhando com 16 comunidades locais, além de liderar três importantes campanhas de comunicação para a proteção da região.

O Programa Pew Fellows para Conservação Marinha já concedeu 125 bolsas para indivíduos de 32 países. As bolsas Pew Marine financiam projetos científicos que abordam desafios críticos encontrados na conservação dos oceanos. Por meio de um processo rigoroso de nomeação e análise, um comitê de especialistas na área marinha de diversos países seleciona os bolsistas do Pew Marine mediante avaliação da qualidade dos projetos propostos, incluindo seu potencial para a proteção de ambientes marinhos. Projetos exclusivos e oportunos liderados por excelentes profissionais de suas áreas são escolhidos anualmente. O alvo são indivíduos que se encontram em nível intermediário em suas carreiras profissionais. O programa é administrado pelo Pew Environment Group, de Washington, D.C.

Mais informações sobre cada um dos beneficiários do Pew Marine 2012, incluindo fotografias e um vídeo sobre os mesmos, estão disponíveis em www.pewmarinefellows.org.

O Pew Environment Group é o braço conservacionista da The Pew Charitable Trusts, uma organização não governamental que trabalha globalmente no estabelecimento de políticas científicas pragmáticas que protegem os oceanos, preservam as áreas naturais e promovem a energia limpa. www.PewEnvironment.org

Contato: Jo Knight, 202-552-2070

FONTE  Pew Fellows Program in Marine Conservation (Pew Environment Group)

FONTE Pew Fellows Program in Marine Conservation (Pew Environment Group)

Back to top

RELATED LINKS
http://www.pewenvironment.org